sexta-feira, 20 de junho de 2008

Acompanhe as comemorações do Centenário da UFMBB


22 de junho (domingo) - Cultos comemorativos do Centenário nas igrejas batistas do Brasil, associações e no Estado a serem definidas pelos respectivos responsáveis.
No Rio de Janeiro e adjacências os cultos serão realizados nas seguintes igrejas:
PIB do Rio de Janeiro PIB de Campo Grande IB do Méier PIB de Niterói • IB Memorial em Niterói • PIB de Nova Iguaçu
Diretoria
Diretora Executiva: Lucia Margarida Pereira de Brito (CA)
Presidente: Helga Kepler Fanini (FL)
1ª Vice-Presidente: Marlene Baltazar da Nóbrega Gomes (FL)
2ª Vice-Presidente: Suzana Élida do Nascimento Farias (MA)
3ª Vice-Presidente: Debora Silva Lins e Silva (SP)
1ª Secretária: Maristela Massacesi Sanches da Silva (SP)
2ª Secretária: Anacleta Gomes da Silva (MA).

História da UFMBB
Desde o início da obra batista no Brasil, as mulheres têm se reunido para orar e trabalhar por missões. Estas duas colunas - oração e serviço - têm marcado essa gloriosa trajetória que teve início em 1908. Mesmo antes de ser uma organização em nível nacional, as senhoras reuniam-se nas igrejas para orar e estudar como evangelizar e praticar beneficência. Foi organizada, em 23 de junho de 1908, a União Missionária das Senhoras Batistas do Brasil, composta de 20 Sociedades de Senhoras e 05 Sociedades de Crianças. No ano de 1922 saiu a primeira revista, intitulada Revista Para Trabalho de Senhoras Batistas, contendo programas para senhoras, moças e crianças. Também, nesse ano, as Sociedades de Moças foram incluídas e a União passou a adotar o nome: União Geral de Senhoras do Brasil, órgão auxiliar da Convenção Batista Brasileira. Pouco a pouco, o trabalho da União Geral foi se desenvolvendo, tanto na publicação de literatura, como na expansão de seu ministério.Mensageiras do Rei, a organização mais jovem, surgiu em 1949, sob a liderança da missionária Minnie Lou Lanier, alcançando as pré-adolescentes e as adolescentes, assim completando a família da União Geral. O nome União Geral não estava condizendo com o ideal que a organização abraçava com amor e dedicação - Missões. Por isso, em 1963, passou a chamar-se União Feminina Missionária Batista do Brasil, Feminina, porque não era só para as senhoras, mas abrangia todo o elemento feminino; Missionária, porque a sua razão de ser é Missões.A UFMBB já não era mais um filete de água, mas um riacho onde podiam ser encontradas muitas pedras preciosas, de grande valor para o reino de Deus.
A UFMBB é composta das seguintes organizações: Amigos de Missões é uma organização missionária da UFMBB para crianças de 4 a 8 anos. O envolvimento da criança na obra missionária é a base da organização.
Mensageiras do Rei é uma organização missionária da UFMBB para meninas de 9 a 16 anos. Não é exigido da menina que seja convertida ou batizada para fazer parte da organização.
Jovens Cristãs em Ação oferece educação necessária ao crescimento espiritual da jovem cristã e atende as suas necessidades no contexto da vida atual, de acordo com os princípios e valores da Palavra de Deus.
Mulher Cristã em Ação (MCA) é a organização da UFMBB, de natureza educacional-missionária, que trabalha com mulheres. Dirige e coordena dois centros de educação missionária: o Centro Integrado de Educação e Missões, Tijuca, Rio de Janeiro, RJ; e o Seminário de Educação Cristã – Boa Vista, Recife, PE